Medo de procedimentos estéticos: como vencê-lo?

Medo de procedimentos estéticos: como vencê-lo?

Quem tem medo de se submeter a tratamentos estéticos, na verdade, teme os resultados exagerados.

O medo de procedimentos é, na verdade, medo de resultados artificiais

Muita gente tem medo de se submeter a um tratamento estético. E isso acontece muito mais por temer um resultado artificial e que mude completamente a face do que pelo procedimento em si. 

 

O que eu vejo no consultório é pessoas com medo de um preenchimento exagerado, de uma harmonização facial que deixe a pessoa irreconhecível, como vemos muito na mídia e cada vez com mais frequência. 

 

Em geral, as pessoas não têm medo das agulhas usadas nos preenchimentos ou na aplicação de bioestimuladores e toxina botulínica, embora para algumas pessoas isso possa ser desconfortável. 

 

Mas, para amenizar esse incômodo na hora do procedimento, nós podemos lançar mão de cremes anestésicos e até de leves anestesias locais, a depender dos tratamentos que serão realizados. 



Tratamento sem medo 

 

Então, como realizar um tratamento de forma mais segura, sem tanto medo do resultado? 

 

A resposta para isso está na escolha do profissional, o qual você deve conhecer previamente e ter confiança. 

 

Além disso, precisa ser um médico experiente naquela técnica ou tecnologia, com um profundo conhecimento da anatomia facial e muita prática. 

 

Afinal, todo tratamento, por mais simples e não invasivo que seja, tem um certo risco. Por isso, é importante que o médico saiba manejar qualquer intercorrência e, acima de tudo, atuar para que o resultado seja natural. 

 

Dessa forma, o objetivo maior de um tratamento é melhorar a sua aparência, valorizando suas características. 

 

Então, se você deseja realizar algum procedimento sem medo, agende sua avaliação! 




Compartilhar:

Share on twitter
Share on facebook
Share on linkedin